Quinta-feira, 10 de Janeiro de 2008

O Inquerito que realizámos por toda a Escola Secundária de Bocage

 

 

A acessibilidade e a noção de diferença na nossa escola

 

 

Introdução

Com este inquérito pretendemos conhecer a consciência que a nossa escola desenvolveu para a Diferença, especialmente quando esta envolve a questão da debilidade física. Quando falamos de consciência, falamos da sensibilidade à existência de pessoas (alunos ou não) nestas condições, e das necessidades por que passam, e da urgência de as ajudarmos a ultrapassá-las. Assim, no sentido de democracia achamos que a nossa comunidade tem uma voz a expressar que devemos ouvir, para assim podermos melhor responder às suas necessidades. È com este intuito que vos fazemos este inquérito.

 

Questionário

 

Sente necessidade de ajudar o próximo?  

       Sim

       Talvez, se estiver bem disposto.

       Não

 

Sente que a nossa escola dá importância aos alunos deficientes?

       Sim

       De forma muito limitada

       Quase os ignora

       Trata-os como se não existissem

 

Acha que as necessidades dos deficientes devem ser encaradas como prioridades pela administração da escola?

       Sim

       Talvez

       De maneira alguma

 

Acha positiva a integração de alunos com deficiência no ambiente escolar normal?

       Não deve haver discriminação

       Sou indiferente

       Devem ter um ambiente adequado

 

Acha que a escola deveria possuir infra-estruturas que melhorassem a acessibilidade a alunos portadores de deficiências motoras?

       Sim, apenas no rés-do-chão

       Sim em toda a escola

       Acho que não deviam aceitar alunos com tais deficiências

       Não

 

Quais as principais dificuldades que, na sua opinião, alunos com deficiências motoras sofrem, na sua vida escolar?

       Falta de compreensão pelos outros

       Falta de capacidade de locomoção

       Falta de comunicação

       Falta de comunicação e locomoção

       Não faço ideia

 

 

 

 

O que acha acerca da criação de um fundo monetário no qual cada um possa dar a seu contributo para a criação e melhoria das condições para deficientes motores?

       Acho bem.

       Não concordo.

       Talvez, desde que a iniciativa fosse controlada e divulgada.

 

sinto-me:
música: nenhuma
publicado por todosemsetubal2008 às 14:17
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.Maio 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Plano de acessibilidades ...

. Novidades e Ponto de Situ...

. Portugal conquista 21 Me...

. Paralímpicos de Pequim 20...

. O que fizémos e faremos

. Salvador Mendes de Almeid...

. Salvador na nossa Escola

. Estudante da Escola Super...

. Conselho à visualização d...

. Todos Em Setubal 2008 em ...

.arquivos

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007


Website Counter

.links

.pesquisar

 

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds